A Pastoral da Comunicação (Pascom) é a pastoral do ser/estar em
comunhão/comunidade. É a pastoral da acolhida, da participação, das inter-relações humanas, da organização solidária e do planejamento democrático do uso dos recursos e instrumentos da comunicação. Não é uma pastoral a mais,mas aquela que integra todas as demais pastorais. (Igreja e comunicação rumo ao Novo Milênio – Estudos da CNBB 75).
A Pastoral da Comunicação é o eixo transversal de todas as pastorais da Igreja. Em sua missão, deve irradiar ações próprias do campo da comunicação com sentido pastoral, as quais ganham sentido na medida em que colaboram com a ação evangelizadora eclesial. (Diretório de Comunicação da Igreja no
Brasil – Documento 99 da CNBB)
Por meio da comunicação, seja pessoal ou por meio de qualquer instrumento, o agente da Pascom busca: anunciar o Evangelho; promover a comunhão dentro da Igreja, entre os fiéis, o clero, as pastorais, movimentos; realizar uma comunicação interna (para os envolvidos na vida eclesial) e externa (para os que estão fora e para os demais meios de comunicação).
A Pastoral da Comunicação, portanto, procura ajudar na integração da comunidade e, ao mesmo tempo, participar da ação da comunidade na sociedade, sempre sem perder de vista a construção do Reino a que somos chamados por Cristo.